Aguarde, carregando...

DIA DO ÍNDIO

Dia 20/04/2021

TÍTULO: PREFEITURA MUNICIPAL DE CACHOEIRINHA COMEMORA O DIA DO ÍNDIO

 

A Prefeitura Municipal de Cachoeirinha juntamente com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, comemora neste dia 15 de abril o Dia do Índio, esta data tem por objetivo refletir sobre a situação dos indígenas na atualidade, em prol da valorização deles para que não sejam vítimas de preconceito.

Os povos indígenas desde os primórdios, têm forte relação com o meio ambiente, e é através do ambiente em que vivem que tiram sua subsistência, cultivando a terra e, assim também, a suas tradições, a fim de manter suas heranças para futuras gerações.

Historicamente, os indígenas já possuíam uma ampla população distribuídas nos países que formam o continente americano, antes da chegada dos primeiros europeus nessas terras. Entretanto, com a vinda destes colonizadores aos poucos foi-se perdendo a cultura indígena, territórios e ocorrendo a diminuição populacional das aldeias.

Por meio do Decreto lei 1.775/96, em que trata sobre o procedimento administrativo de demarcação das terras indígenas, o Brasil conseguiu que o processo de perda cultural e territorial diminuísse em consequência da criação de unidades de conservação (UC’s) para os povos indígenas. Essas UC’s trazem benefícios para toda a comunidade: devido ao alto grau de conservação das florestas existentes nas Terras Indígenas que resfriam a superfície e interferem na circulação global (atmosférica e oceânica) ajudando a baixar a temperatura do planeta, além de estocar enormes quantidades de carbono.

Com a conquista perante a legislação brasileira de suas terras, esta população tem se mantido constante com o decorrer dos anos em vários estados brasileiros. O Tocantins está entre os estados que abrigam em seu território algumas aldeias indígenas, possuindo uma das mais altas riquezas culturas com oito etnias existentes: Karajá, Xambioá, Javaé, Xerente, Krahô, Krahô Kanela, Apinajé e Avá-Canoeiro, estes situados em diferentes municípios tocantinenses nas terras indígenas oficialmente demarcadas. Dentre esses municípios que fazem fronteiras com aldeias dentro de suas terras tem se o município de Cachoeirinha, vizinho de uma aldeia: a Colarinho com os integrantes da etnia Apinajé. Os indígenas dessa etnia sobrevivem da agricultura de subsistência, da caça e da coleta de babaçu, extraem óleo das amêndoas, fabricam utensílios domésticos e cobrem suas casas com a palha. Também produzem artesanato de sementes.

Assim, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente sabendo dessa relevante importância dos povos indígenas e contemplados com aldeia indígena no território do município, reconhece e valoriza essa comunidade tão importante na história do Brasil e na conservação do meio ambiente.